Jeffrey Lionel Dahmer veio ao mundo ás 4:34h da tarde no dia 21 de Maio, no Evangelical Deaconess Hospital em Milwaukee 1960.

Mal saberiam na altura os seus pais que o pequeno Jeffrey se tornaria um dos mais famosos Serial Killers dos EUA, não só pela quantidade de vitimas que este assassinou mas também pela forma como o fez, desmembrando-as, praticando actos de Necrofilia e chegando mesmo a guardar restos mortais numa arca congeladora em sua casa.

A infância de Jeffrey começou como a de qualquer pessoa normal, tinha dois pais que o amavam, dando-lhe sempre o que o seu coração desejava. Joyce Dahmer desde cedo que criou um livro com os factos mais importantes da vida do seu filho como, o seu primeiro passo, o seu primeiro corte de cabelo, o seu primeiro dente, o seus primeiro acidente, os eventos da escola, ou o seu primeiro jogo de futebol.

Embora Jeffrey fosse muito novo, os seus pais não lhe davam a atenção devida, pois trabalhavam demais para sustentar a família.

Querendo o melhor para o seu filho Joyce e Lionel mudaram-se para West Allis, mas desde de cedo que as discussões entre o casal eram frequentes e Jeffrey assistiu a quase todas elas. Os pais não se aperceberam que estas discussões seriam uma das principais causas da desgraça que ia abater sobre a vida de Jeffrey.

Pouco tempo antes do quarto aniversário de Jeffrey foi-lhe diagnosticado uma dupla Hérnia Discal sendo este submetido a uma intrevenção cirúrgica. O pequeno Jeffrey temeu a operação, uma vez que um grupo de estranhos ia explorar o seu corpo, de uma forma mais aprofundada que o próprio não conseguiria fazer sozinho. Esta é considerada uma das causas fundamentais pelos crimes que Jeffrey cometeu, tendo alterado profundamente o seu subconsciente.

Mas Jeffrey como qualquer outro menino da sua idade só queria andar na sua bicicleta, trepar uma árvore para chegar a maçã, andar na sua mota de brincar ou brincar com carvão ou lama e chegar a casa sujo.

Jeffrey desde cedo se revelou tímido, isso veio a agravar durante o decorrer dos anos.

Joyce deu á luz o seu segundo filho, de nome David, mas Jeffrey permaneceu neutro e indiferente ao irmão e ao resto da família.

A família Dahmer mudou-se novamente, desta vez para West Bath Road number 4480, que ficava no meio de uma floresta onde Jeffrey se podia perder e ficar cada vez mais isolado do mundo.

Conforme Jeffrey foi crescendo e atingindo a puberdade teve a sua primeira experiência sexual, com outro rapaz, que se revelou decepcionante e fracassado. O jovem entrava na fase da sua vida em que de viam de predominar as experiências e o convívio com os amigos, mas em vez disso Jeffrey baseou a sua vida em segredos e solidão.

Em pouco mais de 16 anos de vida Jeffrey formou a sua personalidade e todo este conjunto de factores contribuiu para que este se tornasse um dos mais famosos Serial Killers dos EUA, com 17 mortes conhecidas e bocados de corpos das vítimas como troféus.