< Hoje pertenço á realeza e sou concerteza uma Raínha! Tenho um belo Palácio, onde sinto tanto frio... Tão cheio de nobreza e tão sombrio! Nos seus belos jardins passeio meus sonhos, onde sou Princesa sem sorte Raínha sem reinado de medos quebrado... Só queria ser feliz, mais nada sem amarras que me acorrentam os pensamentos da liberdade, presos neste castelo dourado onde me perco... Hoje tenho uma festa com hora marcada seguindo a meta errada do desejo olho, procuro e nada vejo hoje sou Raínha mais nada! São Percheiro