<br / Que maus ventos teriam hoje passado por Maria Parecia triste embora enfeitada de belas e coloridas missangas, mas seu rosto não sorria e seus olhos estavam distantes... Era diziam a negra mais linda e dengosa das redondezas, alguns senhores brancos haviam tido com ela relações amorosas, mas amantes ela não tinha, era negra bonita que vivia sózinha. Sua palhota havia sido queimada pelo fogo, ardia mas mulher negra não chora, mas sofria e um dia dizem ela partiu e ninguém mais viu a negra jeitosa que dormia com branco sacana que lhe fazia a cama de promessas enganosas... Era assim a nossa África cheia de mistérios mas bonita como a negra que ninguém mais vira. São Percheiro