"Só faz sentido o que é sentido", dá para entender?!